Poeira negra” encontrada quando a sonda Osiris-Rex se abre com uma amostra de asteroide

Internacional

A NASA abriu na terça-feira a sonda da missão Osiris-Rex que recolheu fragmentos do asteroide um asteroide e anunciou que encontrou “poeira negra e detritos” no seu interior.embora ainda não tenha examinado a maior parte da amostra.

Sete anos após a descolagem, a sonda aterrou no deserto dos EUA, no Utah, no domingo, após uma manobra de alto risco.

A amostra, recolhida em 2020 do asteroide Bennu, contém cerca de 250 gramas de material, segundo as estimativas da agência espacial americana.

Durante essa operação, A NASA apercebeu-se de que a tampa do recipiente de recolha não podia ser fechada. Mas a amostra acabou por ser fixada e transferida para a sonda como planeado.

No entanto, devido a esta falha, os cientistas esperavam encontrar vestígios da amostra fora do compartimento de recolha, na caixa onde foi colocada.

Na terça-feira, foi aberta a primeira tampa de uma câmara hermética no Centro Espacial Johnson, em Houston, Texas.

As equipas da NASA imediatamente “encontraram poeira negra e detritos”, anunciou a agência espacial, sem especificar se se tratava de fragmentos de asteróides.

Este material será analisado e será efectuado um “processo cuidadoso de desmontagem” do compartimento de recolha.para aceder à amostra principal que se encontra no seu interior”.escreveu a agência espacial.

Está prevista para 11 de outubro uma conferência de imprensa para “revelar a exposição”.

A análise da composição do asteroide Bennu permitirá aos cientistas compreender melhor como se formou o Sistema Solar e como a Terra se tornou habitável.

Os cientistas acreditam que este corpo espacial (500 metros de diâmetro) é rico em carbono e contém moléculas de água encerradas em minerais.

Existe um pequeno risco (uma hipótese em 2.700) de Bennu atingir a Terra em 2182, o que seria catastrófico. Em 2022, a NASA conseguiu desviar a trajetória de um asteroide através de um impacto.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *